Category Archives: Santos

São José Operário e Aragorn, os reis ocultos.

Em sua obra-prima, O Senhor dos Anéis, J.R.R. Tolkien produziu uma das grandes peças de literatura cristã de todos os tempos. Ao contrário da obra do seu amigo C.S. Lewis, que é totalmente direto em sua analogia nas “Crônicas de Nárnia“, Tolkien tomou todo o cuidado para diluir as referências cristãs por todo o seu… Read More »

Santo Ambrósio, fé e santidade: o amor que converte os corações.

“Non in dialectica complacuit Deo salvum facere populum suum” – Santo Ambrósio.   Fé e o exemplo de uma real vivência cristã são elementos contagiosos. Eles deixam sua marca nas pessoas de uma forma tão forte como nenhum argumento brilhante conseguiria! É refletindo sobre isso que eu me pego voltando novamente para o grande Ambrósio,… Read More »

Três chances. Terceiro sinal: São João Paulo II

Junho de 1991. Quarta visita papal de São João Paulo II à Polônia. Após meio-século nas mãos das piores chagas do século XX, o Nazismo e o Comunismo, a Polônia se viu definitivamente livre com o fim da União Soviética, um colapso que se observou inevitável já em 1989, e vinha sendo capitaneado, entre outros,… Read More »

Três chances. Segundo sinal: Madre Teresa de Calcutá.

Em um dia de dezembro de 1979, a pequena albanesa conhecida como Madre Teresa de Calcutá se encaminhou para o pódio central no salão da ONU para discursar em agradecimento pelo famoso Prêmio Nobel da Paz. Um momento singular, já que a ONU não tem o costume de homenagear católicos, muito menos religiosos católicos. Para… Read More »

Doutores da Igreja: Santo Ambrósio, seu exemplo e a relação Igreja x Estado.

Aurelius Ambrosius, conhecido pelo mundo como Santo Ambrósio, bispo de Milão, viveu apenas 57 anos. A julgar pelo seu impacto no mundo e no cristianismo, seria possível imaginar que ele tivesse vivido muito mais. A história de Santo Ambrósio tem que ser bem situada para ser compreendida perfeitamente. Se o cristão deve antes ser um… Read More »

Doutores da Igreja: São Gregório Nazianzeno, o Doutor relutante

A vida de São Gregório de Nazianzo é uma oportunidade maravilhosa para se confrontar com alguns traços de humanidade que muitas vezes parecem esquecidos em hagiografias (biografias de santos). É uma dádiva poder ver erros ou dúvidas tão humanas em pessoas tão especiais, porque se pode ver a Graça divina no arrependimento, no perdão, e… Read More »

Doutores da Igreja. O grande São Basílio.

Se um dia você for perguntado sobre as grandes figuras da Igreja, você não deve deixar de fora da sua lista São Basílio, o Grande. É uma figura fenomenal sob qualquer aspecto, e assim seria mesmo se não fosse religioso. Mas, além de tudo o que fez na vida, ele ainda nos abençoou com um… Read More »

Doutores da Igreja. Santo Atanásio contra o mundo.

               Johannes Quasten, o grande estudioso da patrística, disse sobre Santo Atanásio: “De uma coragem sem limites. Firme frente ao perigo e a adversidade. Não se acovardava com ameaça de homem nenhum. Um campeão e defensor da fé de Nicea. Os Arianos o viam como seu principal inimigo, e fizeram de tudo para destruí-lo. Para… Read More »

Doutores da Igreja. São João Crisóstomo, a eloquência e o perdão.

              Já escrevi neste site sobre alguns santos e figuras importantes da história da Igreja e do cristianismo em geral. Minha intenção agora é me debruçar um pouco sobre um assunto muito querido, as pessoas chamadas de “Doutores da Igreja”. Como o site não é um estudo sistemático, eu nem sempre consigo (ou nem tento)… Read More »

São Chesterton?

Já falei, neste mesmo humilde site, sobre quem é G.K. Chesterton. Não digo “quem foi” porque morre o homem, fica sua obra. E poucas pessoas produziram mais do que Chesterton. Seja em artigos devorados com avidez pelo público, seja em livros de contos, ficção, biografias, teologia, filosofia, seja em poesia, crítica literária e muito mais.… Read More »

Santa Perpétua, as Mães da Igreja e o papel da mulher no Catolicismo

A era dos grandes pais da Igreja, homens que lutaram pela Palavra de Deus com palavras e feitos, os primeiros a estabilizar a religião, sua prática, interpretação da Palavra de Cristo, além de lutar contra as heresias que surgiam por má interpretação ou malícia, foi chamada de Era Patrística, a era dos Padres da Igreja.… Read More »